Igreja Renascer e o “cartão que evangeliza sozinho”

Em fevereiro de 1995 compus meu segundo rap cristão, “MC Empada”, em que adotei o meu “nome artístico”. Naquela época, muito mais do que hoje, assumir a condição de crente, evangélico, etc. era algo que rendia muitas piadas dos colegas, principalmente se você fosse adolescente. Então, resolvi falar na música do preconceito que atingia os cristãos protestantes, apesar de em um trecho reconhecer que a associação automática de crente com alguém que está sendo roubado por um pastor mal-intencionado tinha uma certa base:

“…Conto do vigário não, conto do pastor
Que vem com aquela carinha cheia de amor
E rouba o dinheiro das camadas populares
Para investir em seus imensos lares
Eu sei que isso acontece, é a realidade
Mas vamos separar o joio do trigo não é verdade
Isso daí não está certo não
Eles são somente a exceção
E este tipo de pastor não está com nada
Aqui quem fala, MC Empada!…”

Esse nariz-de-cera, além de servir para propagandear minha música, é necessário para introduzir o assunto que quero: a prisão do casal Estevam e Sônia Hernandes.

Em 95 já não me empolgava com os fundadores da Igreja Renascer. No início da minha vida cristã, eu tinha uma visão positiva daquela igreja que investia na conversão de jovens da classe média, ao trazer para o Brasil novidades da música gospel. Cheguei a ouvir bastante a Gospel FM 102,5, fui a um SOS da Vida e, no dia da morte do Ayrton Senna (1º/05/1994), estava em um evento organizado por eles.

sonia-hernandes.jpgNo começo, o Estevam era pastor. Depois, virou bispo, até que se tornou apóstolo. Fiquei sabendo que a marca “gospel” tinha sido patenteada pela igreja. Rolava um boato de que a Sônia, já apelidada de “perua de Deus” e futuramente bispa, ganhara uma rifa de uma BMW (!) da própria igreja.

 

De todos esses casos, o mais curioso, para mim, é o tal Cartão Gospel Bradesco Visa. Era o lançamento dos cartões de afinidade e a Renascer fez o seu, inclusive com uma propaganda sensacional (para não dizer ridícula), que terminava com a frase: “Cartão Gospel Bradesco Visa, o cartão que evangeliza sozinho”.

carao-bradesco-visa.gifO slogan se justificava porque no cartão estava escrito parte do texto de João 14:6 “Respondeu-lhe Jesus: eu sou o caminho, e a verdade e a vida”. A lógica era simples: você, como bom cristão que acredita na teologia da prosperidade, faria muitas compras com seu cartão e os vendedores, ao lerem o versículo, se converteriam automaticamente!

A preocupação com o marketing em vez de uma vida íntegra diante de Deus é que deve ter feito o casal ter caído e, hoje, esperar ansiosamente o julgamento nos Estados Unidos. Creio que muitos dos fiéis da Renascer levam uma vida séria com o Senhor, mas como o exemplo vem de cima, fica difícil acreditar que um dia a igreja recuperará a sua credibilidade.

Assim, deixo aqui as palavras do apóstolo Paulo à Igreja de Corinto:

“Aqueles homens são apóstolos falsos e não verdadeiros. Eles mentem a respeito dos seus trabalhos e se disfarçam, apresentando-se como verdadeiros apóstolos de Cristo. E isso não é de admirar, pois até Satanás pode se disfarçar e ficar parecendo um anjo de luz” (II Coríntios 11:13-14, Nova Tradução Linguagem de Hoje)

Anúncios

2 Responses to Igreja Renascer e o “cartão que evangeliza sozinho”

  1. […] um exemplo, exalto a liberdade religiosa que o país possui, mesmo que isso resulte em casos como este (Êh, […]

  2. L. F. Pires disse:

    Cabe-nos a nós fazer a diferença, sendo a diferença, não sendo conivente com todas estas tretas de teologias de prosperidades e afins, somos abençoados quando nossa vida é vivida em padrões diferentes. Aceitar Jesus é aceitar o pacote todo, não só a prosperidade mas com ela toda a renuncia daquilo que me afasta de Deus, dinheiro inclusive

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: